Como gerar arquivos .rpm


Ate 1994 para instalar qualquer software em ambiente Línux você tinha que baixar o código fonte, compilar e instalar na unha. A principal desvantagem desse método era a parte da desinstalação do programa ou na auditoria de software, em que não se tinha idéia do que tinha instalado na máquina.

Para por fim a essa situação a Red Hat resolveu criar o formato rpm. Nesse formato era composto de pacotes com os fontes do programa e algumas garantia de integridade do pacote. Todo pacote rpm instalado era registrado em um banco de dados, facilidade a desinstalação, atualização e auditoria de software.

Nesse post vou mostra como criar um pacote .rpm a partir dos fontes.

Primeiro você tem que ter instalado o rpm-build um utilitário para criação de pacotes .rpm:

Para verificar tente:

$rpm -aq | grep rpm-build

Caso não esteja instalado use:

#yum install rpm-build

apos a instalação baixe o pacote que deseja transformar em rpm, e siga os seguintes passos:

copie o arquivo.tar.gz para /root/rpmbuild/SOURCES

#cp caminho_do_arquivo /root/rpmbuild/SOURCES

Descompacte o arquivo .tar.gz na pasta de download, em seguite execute:

#rpmbuild -bb /arquivo_descontactado/arqui.spec

O .spec é o arquivo que contem as norma para compilar o código, é a grosso modo parecido com o configure.

Terminada esse etapa verifique a pasta /root/rpmbuild/RPMS, procure o rpm gerado e instale com:

#rpm -iv arquivo_rpm_gerado.rpm

Anúncios

Tags:, , , , ,

About Alexandre Prates

Sou analista de sistemas, sou aluno do Bacharelado em Ciências da Computação na UFABC. Tenho interesse em finanças e computação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: